23/07/2022 às 20:30 Fotografia

Fotografia não é cara, caro é não poder reviver momentos.

1
1min de leitura

Li essa sentenza esses dias e confesso que me identifiquei com ela. Quando nasci, minha avó paterna (uma de minhas três Marias, três avós) morava na minha casa e ajudava a cuidar de mim. "A Lina tomou a água de laranja todinha", dizia ela pra minha mãe. Convivemos juntas até os meus 5 anos de idade, quando ela se encantou. Lembro até hoje, 25 anos depois, do dia de sua partida, do dia que eu compreendi que nunca mais a ouviria me chamar de Lina.

Reconheço, a partir de tudo o que contei, a importância de cada fotografia que tenho dela e com ela. E como eu queria ter mais! É caro não poder reviver alguns momentos de que me lembro. Outros, no entanto, trago sempre comigo através da fotografia.

23 Jul 2022

Fotografia não é cara, caro é não poder reviver momentos.

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL

Quem viu também curtiu

01 de Ago de 2020

5 documentários sobre fotografia disponíveis no YouTube.

14 de Jul de 2020

O corpo documentado.

01 de Ago de 2020

A arte na contramão do retrocesso.

Oii! Como posso te ajudar?
Logo do Whatsapp